Atitudes que todo síndico deve tomar para prevenir assaltos em condomínios

17

mar 17

Atitudes que todo síndico deve tomar para prevenir assaltos em condomínios

Um dos motivos que levam uma família a morar em um condomínio é a sensação de maior segurança com relação a uma casa comum. Mesmo assim, vez ou outra, esses locais sofrem com assaltos.

Para evitá-los, é necessário que quem administra o condomínio adote uma série de medidas preventivas. Algumas delas estão listadas abaixo e são baseadas na cartilha de Segurança em condomínios produzida pela Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Síndico, para evitar riscos, tome as seguintes atitudes:

  • Forme um conselho ou comissão específicos para tratar do assunto segurança;
  • Junto com o conselho de condôminos, desenvolva normas firmes e transparentes sobre a segurança do condomínio, discriminando, inclusive, punições para aqueles que não respeitarem o que for instituído;
  • Ao contratar funcionários, entreviste um de cada vez, de preferência na portaria;
  • Obtenha o máximo de informações possíveis sobre o candidato e solicite atestado de antecedentes e de referência pessoal;
  • Contrate funcionários que já possuam cursos de formação e treinamento;
  • Oriente sempre os funcionários, principalmente os porteiros e garagistas, para que não saiam de seus postos de trabalho;
  • Cadastre e mantenha atualizada a relação de todos os moradores: anote desde a placa do veículo até o nome de parentes próximos para contato em caso de emergência;
  • Mantenha as entradas do condomínio iluminadas, evitando o uso de obras de arte, decoração e jardinagem que obstruam a ampla visão do local;
  • Atente-se para a segurança periférica do condomínio, como muros, grades, cercas, alambrados e sistemas de segurança eletrônicos, bem como de vias públicas de acesso;
  • Mantenha os equipamentos de segurança e de comunicação sempre em perfeito estado de funcionamento;
  • Mantenha sempre na portaria livros de registro para controle do serviço, de entrada e saída de pessoas, veículos e materiais;
  • Faça a manutenção periódica das portas de entrada e portões de garagens. Em caso de quebra, eles devem ser imediatamente consertados;
  • Instale dispositivos eletrônicos de segurança monitorados por empresas especializadas;

 

IMPORTANTE: Se for terceirizar serviços como portaria, limpeza, manutenção e segurança, procure empresas idôneas e legalmente constituídas no mercado. Faça contato conosco e conheça as nossas soluções!